Carreira & Mercado de Trabalho
ClickMacaé Empregos

Os erros das pessoas que procuram emprego

Os erros das pessoas que procuram emprego
[E-book] 8 dicas infalíveis para aumentar sua produtividade em seus projetos ou de sua empresa

Qualquer pessoa pode cometer erros durante o período em que estiver buscando emprego, considerando ofertas de trabalho ou negociando propostas. Especialmente a pessoa que está desempregada, porque possivelmente estará com a autoestima prejudicada, a autoconfiança abalada, e sujeita a pressões pela falta de dinheiro, pela cobrança do grupo social ou pela própria percepção de si mesma.

Alguns erros, também, não passam de enganos. Por exemplo, mandar um currículo de mais de duas páginas pode ser um erro para a maioria das profissões, mas se você está se candidatando a uma vaga de professor universitário, pesquisador científico, advogado, ou cargo de alta gerência, certamente é mais indicado enviar o seu currículo com o conteúdo mais detalhado possível, incluindo relação de artigos publicados, teses defendidas, causas importantes ou projetos que comandou e implementou.

Quem procura emprego está vendendo seus serviços. Quem contrata, está procurando comprar uma solução para algum problema. A essência do processo de contratação é uma identificação do problema que existe e uma comunicação da solução desse problema.

Quando se pergunta a pessoas que esta procurando emprego: "O que você faz?", elas em geral dizem: "Sou um gerente de finanças" (ou de marketing, supervisor de produção etc.). Raramente alguém fala em solucionar algum problema.

Quero encorajar você a redefinir o que você faz. Fale em termos do tipo de problema que você soluciona. É um grande diferencial na procura de emprego. Vou colocar alguns exemplos:

  • "Eu crio campanhas de marketing de baixo custo."
  • "Eu vendo contratos de prestação de serviços de grande vulto para as empresas."
  • "Eu racionalizo processos de produção para reduzir custos."
  • "Eu crio programas de motivação para melhorar o clima organizacional."
  • "Eu organizo bancos de dados no sistema Oracle."

Note como cada colocação acima pode ser interpretada como a solução de um problema. Comunicar isso é bem mais eficaz do que dizer: “Sou gerente financeiro” (ou de produção, ou de recursos humanos ou de informática).

As empresas contratam pessoas para solucionar problemas e não para terem problema. Você vai se comunicar muito melhor com as empresas se você se apresentar como a solução de problemas.

Utilizar listas de e-mails, que circulam nas redes sociais, é um convite para ser bloqueado pelos recrutados. Através dessas listas milhares de currículos são enviado para os RHs, lotando suas caixa de e-mail. A atitude imediata é deletar, ou bloquear o profissional. Evite.

É comum se observar vagas postadas nas redes sociais. A grande maioria já não existe. Como o profissional utiliza o e-mail informado por alguém que tem contato com RH de empresas, mais uma vez observa-se caixa de entrada e-mails lotando, levando o potencial recrutador a bloquear.

Imagine a diferença da resposta de uma empresa se você enviar uma campanha de cartas dizendo que você está procurando uma oportunidade de resolver determinados problemas, em vez de dizer que você está procurando emprego como gerente ou qualquer outra função.

Faça uma profunda reflexão sobre os tipos de problemas que você sabe resolver. Você terá dificuldade em definir alguns desses problemas. Trabalhe nisso! Trabalhe na definição dos problemas que você é capaz de resolver e alguém vai contratar você!

À medida que você amadurece profissionalmente, você deve ter como objetivo ser guru em algum assunto, na solução de algum tipo de problema. Se você vir a ser verdadeiramente um guru, nunca vai faltar trabalho para você!

Após os 45 anos de idade, aproximadamente 50% dos executivos perdem lugar no mercado de trabalho - muitos porque não conseguem definir os problemas que solucionam e porque não são guru em algo.

Logo, para conseguir o tão sonhado emprego, você deve saber comunicar bem às soluções que oferece. O resumo de qualificações do seu currículo deve deixar claro quais são os problemas que você soluciona. Suas cartas de e-mail de divulgação também. Seu mini-currículo nos sites de emprego também deve mostrar quais são os problemas que você soluciona. Em seu networking, fale sempre sobre as soluções que você pode oferecer para as empresas.

Corrigindo esses pequenos erros você conseguira uma ótima qualificação no mercado de trabalho, e o melhor de tudo; ser reconhecido profissionalmente.

Conheça Nossos Cursos