Click Macaé
ClickMacaé.com.br
ClickMacaé.com.br

» A Bacia de Campos

» O Cenário Offshore

» Petróleo e Gás

» Serviços> Classificados> Cursos Click Macaé> Empregos> Fornecedores Offshore> Shopping

» Informações> História do Petróleo> A História no Brasil> A Atividade Offshore no Brasil> As Crises do Petróleo> As Plataformas da Bacia de Campos> A Bacia de Campos em Números> As Reservas da Petrobras> Lei do Petróleo> Licenciamento Ambiental> Marco Regulatório> Petrobras no mundo> Pré-sal> Sobre o Petróleo> Sobre o Gás

» Empregos> Buscar Profissionais para Minha Empresa> Buscar Vaga de Emprego na Área

» Glossário> Terminologia Naval> Terminologia Offshore> Terminologia Offshore Comercial> Glossário e Abreviações

Curso 24 Horas

Programa de estágio de Rio das Ostras desonera empresas

5 de dezembro de 2007

A secretária de Ciência e Tecnologia de Rio das Ostras, Kátia Brandão, apresentou aos empresários da Rede Petro-BC um programa da prefeitura da cidade que visa o incentivo ao estágio de estudantes dos níveis técnico e superior: o programa Pró-formação, que assume a remuneração dos estagiários, desonerando a iniciativa privada. A apresentação foi realizada durante o evento “Café com Secretário”, organizado pela Rede Petro-BC na quarta-feira (5 de dezembro).

“Não há contrapartida da empresa, nós mesmos remuneramos os estagiários. As únicas exigências são de que os estudantes deverão atuar na firma sob a supervisão de um profissional da área relacionada ao curso que freqüenta, e a empresa não poderá escolher o estagiário”, conta Kátia. A carga horária do estagiário pode ser de 8, 20 ou 24 horas semanais, com remunerações que variam de R$ 75 a R$ 425.

Por enquanto, o benefício só pode ser utilizado por empresas sediadas em Rio das Ostras, mas a secretária revelou que está trabalhando para alterar a lei de criação do programa, de forma a contemplar as empresas de Macaé. “Estamos estudando uma alteração na lei que permita a alocação de estagiários nas empresas de Macaé, pois temos uma deficiência de vagas nas áreas de petróleo, gestão ambiental e segurança do trabalho, por exemplo”, explica.

Leia mais:

Fonte: Click Macaé - Elaine Pinto

Últimas Notícias
» Por que a produção de petróleo não cresceu, apesar do pré-sal
» Aker terá brasileiro à frente da companhia
» Refinaria Abreu Lima começa a processar petróleo no dia 04/11
» Saudi Aramco expõe em feira no Rio
» Ministro anuncia ampliação do Aeroporto de Macaé
» Petrobras é eleita a melhor empresa de petróleo e gás pelo anuário
» Desenvolver indústria de petróleo é desafio no ES, diz especialista
» Pré-sal - novo patamar
» Brasil com óleo
» Navio pernambucano João Cândido conclui operação inédita do pré-sal
veja mais notícias »

Fornecedores
Fornecedores - Para consultar ou anunciar, clique aqui, de R$240,00 por apenas R$99,90 ao ano, e disponibilize informações sobre seus produtos e serviços para o maior mercado de Petróleo e Gas do país: a Bacia de Campos.

Siga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no TwitterSiga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no Twitter.


Curta nossa página no Facebook

Política de Privacidade | Privacy policy | Publicidade | ContatoDesenvolvido pela SYS Computing