Click Macaé
ClickMacaé.com.br
ClickMacaé.com.br

» A Bacia de Campos

» O Cenário Offshore

» Petróleo e Gás

» Serviços> Classificados> Cursos Click Macaé> Empregos> Fornecedores Offshore> Shopping

» Informações> História do Petróleo> A História no Brasil> A Atividade Offshore no Brasil> As Crises do Petróleo> As Plataformas da Bacia de Campos> A Bacia de Campos em Números> As Reservas da Petrobras> Lei do Petróleo> Licenciamento Ambiental> Marco Regulatório> Petrobras no mundo> Pré-sal> Sobre o Petróleo> Sobre o Gás

» Empregos> Buscar Profissionais para Minha Empresa> Buscar Vaga de Emprego na Área

» Glossário> Terminologia Naval> Terminologia Offshore> Terminologia Offshore Comercial> Glossário e Abreviações

Curso 24 Horas

Transpetro anuncia expansão do Terminal de Cabiúnas

O processo de crescimento e desenvolvimento da exploração e produção de petróleo na Bacia de Campos alavanca todo o mercado petrolífero. A Petrobras, através da Petrobras Transportes S.A. (Transpetro) anunciou, na manhã de quinta-feira (07/07) a ampliação do Terminal de Cabiúnas (TeCab).

O anúncio foi feito pelo diretor de Dutos e Terminais da Transpetro, Marcelino Guedes Gomes na ocasião do Café com Energia, que aconteceu no auditório do San Diego Hotel, no município de Macaé.

Num primeiro momento, o diretor realizou uma breve explanação dos Terminais Aquaviários e Terrestres espalhados pelo Brasil, onde salientou as dificuldades dos dutos (terrestres) que ora passam por tribos indígenas, como é o caso da Amazônia, ora em centros urbanos, como algumas cidades do Estado de São Paulo, por exemplo.

Na oportunidade, Gomes salientou a importância desta expansão, já que 50% do óleo consumido no Brasil passa pelo Terminal de São Sebastião (SP). “Não podemos depender apenas do terminal do estado paulistano. Por isso, vamos investir para estender as atividades do TeCab, que sem dúvida é um terminal relevante no processo, em especial,  no processamento de gás”, explicou o diretor ao se referir aos dois terminais (São Sebastião e Cabiúnas) considerados os mais importantes da cadeia nacional.

O gerente geral da Unidade de Negócios da Bacia de Campos (UN-BC), Plínio César de Mello, ainda observou que enquanto a Bacia de Campos produz petróleo o gás tem que ser, obrigatoriamente, consumido, já que o óleo tem como estocar, o que não pode acontecer com o gás.

Atualmente o Terminal de Cabiúnas produz 14 mil metros cúbicos de gás por dia e, até 2006, a previsão é chegar à capacidade de 20 mil metros cúbicos de gás/dia. Para chegar a esta capacidade, entre o plano diretor de escoamento de gás, haverá a construção do Coletor III de Condensado, construção da Gascab III, montagem da UPCGN II, entre outros. Os investimentos chegam a marca de R$ 2,6 bilhões. A ampliação deve estar finalizada até 2008 e irá gerar dois mil empregos diretos.

Fonte: Click Macaé - Marjorie Carmona

Fornecedores
Fornecedores - Para consultar ou anunciar, clique aqui, de R$240,00 por apenas R$99,90 ao ano, e disponibilize informações sobre seus produtos e serviços para o maior mercado de Petróleo e Gas do país: a Bacia de Campos.

Siga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no TwitterSiga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no Twitter.


Curta nossa página no Facebook

Política de Privacidade | Privacy policy | Publicidade | ContatoDesenvolvido pela SYS Computing