Click Macaé
ClickMacaé.com.br
ClickMacaé.com.br

» Contratar Profissional

» A Bacia de Campos

» O Cenário Offshore

» Petróleo e Gás

» Empregos

» Cursos> Fornecedores Offshore> Shopping

» Informações> História do Petróleo> A História no Brasil> A Atividade Offshore no Brasil> As Crises do Petróleo> As Plataformas da Bacia de Campos> A Bacia de Campos em Números> As Reservas da Petrobras> Lei do Petróleo> Licenciamento Ambiental> Marco Regulatório> Petrobras no mundo> Pré-sal> Sobre o Petróleo> Sobre o Gás

» Empregos> Buscar Profissionais para Minha Empresa> Buscar Vaga de Emprego na Área

» Glossário> Terminologia Naval> Terminologia Offshore> Terminologia Offshore Comercial> Glossário e Abreviações

Sampling Treinamentos Curso 24 Horas

Produção de petróleo do Brasil em outubro sobe 5,2% após 4 meses de queda

5 de dezembro de 2018

A produção média de petróleo do Brasil subiu em outubro após quatro quedas consecutivas ante o mês anterior, para 2,614 milhões de barris por dia (bpd), apontaram dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) nesta segunda-feira.

O volume de petróleo produzido em outubro pelo país cresceu 5,2 por cento, se comparado com setembro, segundo a ANP. No entanto, recuou 0,5 por cento ante o mesmo mês em 2017.

"O principal incremento na produção foi na plataforma FPSO Cidade de Itaguaí (no campo de Lula) e algumas plataformas da Bacia de Campos, devido a retornos de paradas realizadas no mês anterior", disse a ANP em nota.

O campo de Lula, operado pela Petrobras, é o maior produtor do Brasil.

RECORDE DE GÁS

A produção de gás natural do Brasil, por sua vez, foi recorde em outubro, a 117 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d), alta de 3,7 por cento em relação ao mês anterior e avanço de 2,1 por cento se comparada ao mesmo mês em 2017.

Do montante de gás natural produzido, 65,2 milhões de m³/d foram disponibilizados ao mercado, 35 milhões de m³/d foram reinjetados nos campos, 13,74 milhões de m³/d foram consumidos pelas plataformas e 3 milhões de m³/d foram queimados.

A produção total de petróleo e gás do Brasil em outubro foi de aproximadamente 3,350 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), aumento de quase 5 por cento ante setembro e praticamente estável ante o mesmo mês de 2017.

Segundo a ANP, a produção média de petróleo da Petrobras, como concessionária, em outubro, foi de aproximadamente 1,922 milhão de bpd, ou 73 por cento do total produzido no Brasil, ante 1,794 milhão de bpd no mês anterior.

Em nota na semana passada, a petroleira brasileira apontou como principal motivo do aumento da produção em outubro o início da produção da plataforma P-69, no campo de Lula, além do fim de paradas para manutenção em algumas plataformas.

Já a Shell, empresa privada com maior produção no Brasil e forte presença no pré-sal, produziu 338,1 mil bpd em outubro, ou cerca de 13 por cento do total produzido no país.

Veja na tabela abaixo detalhes dos volumes produzidos pelas dez principais empresas no Brasil em outubro, por concessionário, com dados comparativos do mesmo mês de 2017.

Produção Total

Produção Total out/18 (boe/d) - out/17 (boe/d)

Petrobras 1.921.622 83.893 - 2.449.292 2.578.837

Shell Brasil 338.096 13.290 - 421.687 387.644

Petrogal Brasil 90.027 3.863 - 114.322 103.156

Repsol Sinopec 78.402 3.035 - 97.490 84.092

Equinor Energy* 48.714 1.203 56.279 -

Parnaíba Gás 97 6.962 43.887 47.568

Natural

Equinor Brasil* 30.507 57 - 30.868 39.602

Sinochem 20.338 38 - 20.578 26.401

Petróleo

Queiroz Galvão 3.953 2.357 - 18.778 15.081

Total E&P do 13.094 - 500 16.239 172

Brasil

* Equinor é o novo nome da petroleira norueguesa Statoil. A Equinor Brasil é a operadora do campo de Peregrino, com 60 por cento por cento da participação, e a Equinor Energy detém 25 por cento da participação do campo de Roncador.

Prepare-se:

Não fique de fora dos empregos, e negócios.
Qualifique-se, e turbine seu currículo, com nossos treinamentos, clicando aqui.

Fonte: UOL

Últimas Notícias
» Ministério Público do Rio alerta para dependência do uso dos royalties em Niterói
» Setor de petróleo e gás inicia retomada, mas com muitos desafios
» ANP prevê Brasil com 170 plataformas de petróleo
» Conheça as áreas onde o profissional de petróleo e gás trabalha
» Maricá pode ganhar primeiro ônibus de hidrogênio com passageiros do Rio
» Petrobras inicia segunda etapa de testes de produção do campo de Mero, em Libra
» Com torpedos e mísseis, novo submarino do país vai patrulhar pré-sal
» Brasil deve ter a 2ª maior expansão da produção de petróleo fora da Opep em 2019
» Setor de petróleo e gás prevê retomada de negócios mas quer a Petrobras com exigências mais realistas
» Ranking da CGU coloca Macaé mais uma vez em destaque na transparência
veja mais notícias »

Fornecedores
Fornecedores - Para consultar ou anunciar, clique aqui, de R$240,00 por apenas R$99,90 ao ano, e disponibilize informações sobre seus produtos e serviços para o maior mercado de Petróleo e Gas do país: a Bacia de Campos.

Siga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no TwitterSiga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no Twitter.


Curta nossa página no Facebook

Política de Privacidade | Privacy policy | Publicidade | ContatoDesenvolvido pela SYS Computing