Click Macaé
ClickMacaé.com.br
ClickMacaé.com.br

» A Bacia de Campos

» O Cenário Offshore

» Petróleo e Gás

» Serviços> Classificados> Cursos Click Macaé> Empregos> Fornecedores Offshore> Shopping

» Informações> História do Petróleo> A História no Brasil> A Atividade Offshore no Brasil> As Crises do Petróleo> As Plataformas da Bacia de Campos> A Bacia de Campos em Números> As Reservas da Petrobras> Lei do Petróleo> Licenciamento Ambiental> Marco Regulatório> Petrobras no mundo> Pré-sal> Sobre o Petróleo> Sobre o Gás

» Empregos> Buscar Profissionais para Minha Empresa> Buscar Vaga de Emprego na Área

» Glossário> Terminologia Naval> Terminologia Offshore> Terminologia Offshore Comercial> Glossário e Abreviações

Curso 24 Horas

Inscrições abertas para 2,5 mil vagas no Estaleiro Atlântico Sul

2 de março de 2009

Começa hoje e vai até a próxima sexta-feira o prazo para jovens da rede pública de ensino se inscreverem para disputar uma das 2,5 mil vagas disponíveis no Estaleiro Atlântico Sul, empreendimento que está sendo implantado no Complexo Industrial de Suape. Os interessados devem procurar uma das unidades da Agência do Trabalho (Cabo de Santo Agostinho, Recife ou Ipojuca). A ação faz parte da segunda etapa do Programa de Qualificação Profissional. Para participar é necessário estar munido de Carteira de Trabalho, RG e CPF. É preciso estar matriculado na rede pública de ensino. Quem estiver estudando à noite, pode trabalhar durante o dia. As vagas foram anunciadas na manhã da última sexta-feira pelo secretário estadual de Educação, Danilo Cabral.

Os candidatos podem ser homens e mulheres maiores de 18 anos, que estejam cursando o Ensino Médio ou concluído este período. Ainda podem participar os que estejam na 8ª série do Ensino Fundamental e os egressos do Programa Travessia, projeto mantido pelo Estado, que atua na correção da distorção entre idade e série.

Depois de serem selecionados, os inscritos passarão por uma capacitação profissional, com duração de seis meses. Os salários iniciais são segmentados em três faixas: ajudante industrial (R$ 514), meio-oficial (R$ 640) e oficial (R$ 720), classificação dada a funções como soldador, montador, carpinteiro, esmerilhador, jatista, pintor, tratador de superfícies e lixador.

No entanto, a iniciativa pretende fazer com que o profissional chegue a alcançar postos mais elevados no Estaleiro. Entre os benefícios concedidos aos novos profissionais estão seguro de vida, plano de saúde e odontológico, restaurante, área de lazer, transporte, treinamento permanente, convênio com universidades e com o Serviço Social da Indústria (Sesi). O trabalho é formalizado e prevê a assinatura da Carteira de Trabalho.

Fonte: Folha de Pernambuco

Últimas Notícias
» Divergência de R$ 88 bi causou demissão de Graça Foster
» Brasil adia oferta de blocos exploratórios de petróleo para 2º semestre
» Brasil bate novo recorde na produção de gás natural, diz ANP
» Petrobras foi liberada para buscar financiamento de até US$ 19 bilhões
» Petrobras renova contrato com PwC até 2016
» Petrobras anuncia que venderá US$ 13,7 bilhões de ativos até 2016
» Dilma garante manutenção dos projetos da P-75 e P-77 em Rio Grande
» Petrobras não cumpre acordo para melhorar condições de plataformas
» Firjan avalia impactos da crise na Petrobras
» Prefeito de Macaé é eleito presidente da Ompetro
veja mais notícias »

Fornecedores
Fornecedores - Para consultar ou anunciar, clique aqui, de R$240,00 por apenas R$99,90 ao ano, e disponibilize informações sobre seus produtos e serviços para o maior mercado de Petróleo e Gas do país: a Bacia de Campos.

Siga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no TwitterSiga as últimas novidades do ClickMacaé diretamente no Twitter.


Curta nossa página no Facebook

Política de Privacidade | Privacy policy | Publicidade | ContatoDesenvolvido pela SYS Computing